Fechar
Buscar no Site

Presidente da Gasmar demonstra a importância da exploração da Bacia Pará-Maranhão para desenvolvimento regional

O presidente da Gasmar é um dos autores do estudo que avalia a região como o “novo pré-sal” do Brasil,

O presidente da Gasmar, Allan Kardec Duailibe, cumpre intensa agenda na missão de demonstrar a importância da chamada Margem Equatorial brasileira, que compreende a Bacia do Pará-Maranhão.

Kardec recebeu a determinação do governador do Estado, Carlos Brandão, de divulgar dados relacionados ao enorme potencial da Bacia para empresários, universidade, parlamentares, dialogar amplamente com diversos segmentos com objetivo de sensibilizar a Petrobras para a região exploração da Margem Equatorial.

O presidente da Gasmar é um dos autores do estudo que avalia a região como o “novo pré-sal” do Brasil, com potencial de riqueza de 20 bilhões a 30 bilhões de barris de petróleo. Nesta segunda-feira(30), 19h, ele ministra palestra em Salinópolis, no Pará, à convite da Universidade Federal do Pará (UFPA), a única cidade do Arco Norte a ter um curso de Engenharia de Petróleo.

No II Colóquio Mesorregional de Governança do Nordeste Paraense, realizado pela UFPA, Allan Kardec abordou o tema: “Potencialidades e Desafios da Exploração da Bacia Pará-Maranhão para o Desenvolvimento Regional e Consequências Socioambientais”.

A defesa da exploração da Bacia Pará-Maranhão tem sido um esforço conjunto dos governos do Pará e do Maranhão e das Federações de Indústria dos dois estados, a FIEMA e a FIEPA.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias