Fechar
Buscar no Site

Portal prova que The Intercept manipula arquivos

Foto: Reprodução

‘LIXO DE PROVAS”

 

 

“O site The Intercept mexe nos arquivos supostamente roubados à Lava Jato. Isso ficou provado hoje”, revelou o portal O Antagonista, na tarde deste sábado, 29.

Segundo O Antagonista, o dono do Intercept, Glenn Greenwald, anunciou no Twitter novos ataques a Sergio Moro.

“No print publicado em sua página – e que ele apagou correndo –, uma frase é atribuída ao procurador Ângelo Goulart Villela, preso em 2017.

Algum tempo depois, o site ‘corrigiu’ o nome do procurador para Ângelo Augusto Costa. Na versão final, ficou apenas Ângelo”.

“Se o Intercept pode mexer num nome, ele pode violar também qualquer outra parte dos arquivos, acrescentando ou eliminando frases.

É a prova de que essas provas são lixo”.

“Na nova peça de propaganda de Glenn Greenwald, a manipulação beira o ridículo de juntar, numa hipotética conversa, diálogos ocorridos em novembro de 2015, junho de 2016 e abril de 2017.

Existe um nome para isso”, concluiu O Antagonista.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias