Fechar
Buscar no Site

PF faz buscas na sede do PSL em MG em ação que investiga ‘candidaturas-laranjas’

Policiais federais estiveram na sede do PSL mineiro nesta segunda

A Polícia Federal fez buscas na manhã desta segunda-feira (29) na sede do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, em Minas Gerais, na investigação sobre supostas ‘candidaturas-laranjas’ durante as eleições de 2018.

À época, o diretório era presidido pelo atual ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, mas ele não é alvo direto da operação, que recebeu o nome de ‘Sufrágio Ostentação’. Sete mandados foram cumpridos na capital mineira e em mais quatro cidades.

A reportagem tenta contato com a sede do partido, na Região Centro-Sul da capital mineira, mas nenhum representante foi encontrado até as 10h.

O G1 fez contato com o Ministério do Turismo, mas até a publicação desta matéria, a assessoria de Marcelo Álvaro Antônio não retornou.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias