Fechar
Buscar no Site

Onyx fecha acordo com a PGR, confessa caixa dois e pagará multa de R$ 189 mil

Onyx Lorenzoni (DEM-RS) — Foto: Fátima Meira/Futura Press/Estadão Conteúdo

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), fechou acordo com a Procuradoria-Geral da República e admitiu ter recebido doações da JBS em caixa dois nas eleições de 2012 e 2014. Ele também concordou em pagar multa de R$ 189 mil. O documento agora será enviado ao ministro Marco Aurélio, do STF, para homologação.

O acerto foi assinado com base no novo acordo de não persecução penal (ANPP), da Lei Anticrime. É o primeiro do tipo assinado pelo procurador-geral, Augusto Aras.

Para assinar o termo, Onyx teve de confessar os ilícitos. A multa corresponde a nove vezes o salário que ele recebe como ministro, de R$ 21 mil.

Onyx confessou ter recebido doações não declaradas da JBS de R$ 100 mil nas eleições de 2012 e de R$ 200 mil em 2014. (O Antagonista)

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias