Fechar
Buscar no Site

Nova fábrica de vacinas do Butantan recebe doação de R$ 5,3 milhões

Foto: Reprodução

Amazon anunciou que irá doar a quantia de 5,3 milhões de reais para apoiar a construção do novo prédio do Instituto Butantan que abrigará a produção de vacinas contra a Covid-19. Com a atitude, a empresa integra a lista de 39 companhias que irão repassar parte de suas receitas para acelerar a construção do prédio na capital paulista.

Essa é a segunda doação realizada pela empresa no Brasil em prol do combate à pandemia de covid-19. Em julho de 2020, a Amazon doou R$ 5 milhões para a compra de itens de proteção individual e equipamentos médicos essenciais, como ventiladores mecânicos.

ONG Comunitas é responsável pelo repasse dos 185,6 milhões de reais obtidos a partir das doações de todas as companhias envolvidas na ação de arrecadação junto ao Governo do Estado. Na lista, estão empresas como Vale, iFood, Magazine Luiza, B2W,  Minerva, Ambev, BTG Pactual  e JBS, que doou R$ 5 milhões para o projeto.

A iniciativa funciona a partir de um novo modelo de governança compartilhada desenvolvido pela Comunitas e que permite às empresas participação ativa nas tomadas de decisão. Para isso, foi criado um núcleo de governança composto por 12 membros responsáveis por coordenar comitês voltados ao recebimento de fundos, modelagem jurídica e compliance, execução da obra e montagem e comunicação.

A governança compartilhada, segundo a Comunitas, se estende até a conclusão do primeiro lote de vacinas. Depois disso, a autonomia será do Butantan.

A fábrica, que está em construção desde o início de novembro, abrigará produção nacional da vacina e terá 11.000 m², quase quatro vezes maior que a atual fábrica do Instituto Butantan, que tem 1.880 m². O objetivo do instituto é produzir, em escala industrial, 100 milhões de doses anualmente a partir de janeiro de 2022. A previsão para a conclusão do projeto é no mês de setembro.

“Queremos oferecer nosso apoio onde a ajuda é mais necessária, e no momento vemos que é na vacinação. Esperamos que o valor ajude o Instituto Butantan a atingir a meta estipulada para a conclusão da fábrica, de forma que as doses da vacina possam ser fabricadas e assim imunizar toda a população brasileira”, disse em nota Alex Szapiro, gerente nacional da Amazon Brasil.

Na última quinta-feira, 4, o Butantan recebeu um novo lote de insumos da Sinovac para a produção de mais 14 milhões de doses da vacina. Desde 17 de janeiro, o Butantan já entregou ao Ministério da Saúde 14,45 milhões de doses, e entregará outras 21 milhões até o final do mês.

(Maria Clara Dinis)

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias