Fechar
Buscar no Site

Natalino Salgado é o mais votado entre candidatos a reitor com 49,49%

Natalino Salgado. (Foto: Reprodução)

Com 49,49 dos votos da comunidade universitária, o professor do Departamento de Medicina da Universidade Federal do Maranhão, Natalino Salgado, venceu a consulta prévia para composição da lista tríplice de onde sairá o reitor e vice-reitor da instituição para o quadriênio 2019-2023. Salgado teve mais que o dobro do segundo colocado e a preferência da maioria dos alunos, professores e técnicos.

Mais votado entre os quatro candidatos que concorreram ao cargo, Natalino Salgado foi por duas vezes reitor da UFMA, no período de 2007-2015.

Concluída a votação em São Luís e nos oito campi da UFMA no interior do Maranhão, o resultado apontou ainda o candidato da situação, João de Deus (24,23%), em segundo, Ridvan Nunes (16,94%), em terceiro, e Welson Madeira (7,54%), em quarto.

Dos oito campi no continente, Natalino Salgado obteve maioria dos votos em seis. Em Balsas, embora não tenha sido o primeiro entre os professores, Salgado, venceu os outros candidatos entre os estudantes com larga vantagem.

Na mesma consulta em que mobilizou 75 urnas instaladas no Campus Universitário Dom Delgado, ILA, Hospital Universitário Presidente Dutra, e no prédio dos cursos de Hotelaria e Turismo, o professor Alan Kardec foi o mais votado para vice-reitor da UFMA com 32,17% dos votos de docentes, técnicos e discentes. A lista para vice-reitor terá a participação ainda de Luciano da Silva Façanha (23,56%) e Marcos Fábio Belo Matos (13,06%).

Com o slogan “Para Cuidar bem da UFMA”, o professor Natalino Salgado teve a candidatura apoiada pelo coletivo Pacto pela UFMA, formado por mais de 400 pessoas, entre técnicos, docentes e discentes.

Na campanha, o ex-reitor percorreu todos os campi do continente onde conversou com a comunidade e se comprometeu em dar continuidade ao trabalho interrompido em 2015, quando foi substituída pela atual reitora, Nair Portela.

“A vontade da comunidade universitária é soberana e deve ser respeitada. Ser escolhido pela ampla maioria de todos os segmentos que fazem a universidade é uma grande satisfação e reforça o meu compromisso de trabalhar ainda mais pelo desenvolvimento com sustentabilidade da nossa UFMA”, reforçou.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias