Fechar
Buscar no Site

Ministro do Supremo intima Segovia a explicar declarações

Fernando Segovia terá de se explicar sobre entrevista à Reuters

O ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso, relator do chamado ‘inquérito dos Portos’, acaba de intimar o diretor-geral da PF, Fernando Segovia, para que explique as declarações absurdas que deu à agência Reuters.

Em despacho, Barroso alertou que a conduta do diretor-geral da Polícia Federal é “manifestamente imprópria” e pode caracterizar “infração administrativa e até mesmo penal”.

Segundo o ministro, Segovia opinou sobre mérito de inquérito “ainda não concluído, ameaçando de sanções o delegado responsável, que deve ter autonomia para desenvolver o seu trabalho com isenção e livre de pressões”. (Com O Antagonista)

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias