Fechar
Buscar no Site

Maranhão reduz mortes violentas e São Luís é a capital com menos registros no Brasil

Secretário Sílvio Leite: " “Tudo é feito a partir de muito planejamento, de execução e avaliação das políticas implantadas".

Os esforços do Governo do Estado, a partir de ações da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-MA), levaram à redução das ocorrências de mortes violentas em todo o território maranhense. O Maranhão é o primeiro estado do Nordeste e o 14º do Brasil na redução destas criminalidades e se destaca ainda com a segunda menor taxa de homicídios do país. Entre as capitais brasileiras, São Luís é a que possui o menor número de registros. Os dados, referentes ao ano de 2021, são do Anuário Brasileiro do Fórum de Segurança Pública, divulgado no final de junho.

Dados da SSP-MA apontam a redução em 14% nos roubos a veículos e assaltos a ônibus; de 47% nos homicídios; e 50% nas mortes violentas (lesão corporal com morte, roubo seguido de morte/latrocínio e homicídios).

“Isso é fruto dos constantes investimentos que tivemos em segurança pública e que vêm ocorrendo desde 2015. Inclui o aparelhamento do sistema, investimentos em pessoal com a capacitação e ações de valorização, aquisição de viaturas, munições e equipamentos, além de investimentos na regionalização do sistema de segurança, de maneira geral. É um processo contínuo, a partir de inúmeras políticas públicas de segurança”, pontuou o titular da SSP-MA, Sílvio Leite.

O secretário enumerou operações e aquisições que têm contribuído para a redução da violência e da criminalidade no Estado. Ele destacou a Operação Catraca, em que são feitas abordagens a veículos – ônibus, vans e outros – e que tem reduzido continuamente os índices de assalto neste segmento.

No que se refere à tecnologia que auxilia nessas operações, Silvio Leite citou que há 202 câmeras instaladas em vários pontos estratégicos da cidade, o que vai ser ampliado para outras regiões. Os equipamentos têm a capacidade de fazer o reconhecimento facial, e também dos caracteres das placas dos veículos.

A SSP-MA está utilizando, como plano piloto, o sistema ACR móvel, iniciando pelo município de Imperatriz. Pelo sistema, veículos roubados são detectados e de imediato a informação é passada às equipes nas ruas para que seja efetuada prisão.

A gestão adquiriu ainda o sistema mobile, já utilizado no sul do país e que garante mais agilidade na ação policial. A ferramenta faz o reconhecimento facial e dos caracteres das placas de veículos e repassa ao Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), que, por meio de tablets nas viaturas, chega à equipe policial mais próxima. A operação reduz o tempo-resposta no atendimento da ocorrência. A previsão é que até outubro a tecnologia já esteja funcionando plenamente em São Luís e Imperatriz, e depois se estenda a outros municípios maranhenses.

“Tudo é feito a partir de muito planejamento, de execução e avaliação das políticas implantadas, sempre com foco na garantia da segurança do cidadão”, ressaltou Sílvio Leite.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias