Fechar
Buscar no Site

Lançada Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Portos do Norte

O Diretor Geral de Navegação, Almirante Campos, a deputada Leda Sadala e o presidente do Porto do Itaqui, Ted Lago.

Com o objetivo de fortalecer os portos da região norte do Brasil foi lançada, nesta quarta (06), uma frente mista parlamentar sob a coordenação da Deputada Federal do Amapá, Leda Sadala. A iniciativa está baseada na importância estratégica desses portos para o desenvolvimento social e econômico do país como um todo e em especial da região norte. Juntos os portos de Itaqui (MA), Itacoatiara (AM), Santarém e Barcarena (PA) e Porto de Salvador (BA) responderam por 28% do total de soja e milho exportado em 2018, segundo dados divulgados pela ANTAQ. Os significativos volumes embarcados pelos portos do chamado arco-norte, localizados acima do paralelo 16, apontam ainda para o aumento e qualificação da infraestrutura logística, reduzindo custos de exportação das commodities agrícolas, dentre outros produtos.

Somente o Porto do Itaqui movimentou mais de 22 milhões de toneladas de cargas em 2018. De janeiro a outubro deste ano o porto maranhense já ultrapassou 21 milhões de ton, reafirmando sua liderança dentre os portos do arco-norte brasileiro e garantindo a posição de maior porto público do norte e nordeste em volume. Dentre os principais produtos exportados estão grãos (soja, milho e farelo), celulose e granéis minerais como o cobre e o ferro gusa. Nas importações, destaque para os graneis líquidos (combustíveis e derivados de petróleo), trigo, arroz, carvão e fertilizantes. Os resultados alcançados alavancam o desenvolvimento do estado do MA e do arco norte, influenciando positivamente a economia de todo o país.

O presidente do Porto do Itaqui e vice-presidente da Associação Brasileira das Entidades Portuárias e Hidroviárias (ABEPH), Ted Lago, representou o governador Flávio Dino no lançamento da frente parlamentar mista e destacou a importância da iniciativa. “Vejo com muito entusiasmo a mobilização dos parlamentares no sentido de defender e reforçar a importância do arco-norte, dando visibilidade para o potencial logístico da região, para a necessidade de mais investimentos públicos e privados e maior integração regional. No Itaqui, desde 2015 iniciamos um ciclo de crescimento e modernização e estamos preparados para apoiar o desenvolvimento”, afirmou Lago.

A expectativa é que a partir de agora a frente de parlamentares promova novos eventos e encontros reunindo players do mercado, governos e setor logístico para discutir melhorias e fomentar o fortalecimento dos portos do norte.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias