Fechar
Buscar no Site

Juíza federal dá 48 horas para Bolsonaro divulgar exames de Covid-19

Jair Bolsonaro terá que mostrar resultados de exame da Covid-19

A Justiça Federal determinou que a União apresente ao jornal Estado de São Paulo, em 48 horas, os ‘laudos de todos os exames’ realizados pelo presidente Jair Bolsonaro para detectação do novo coronavírus, informa a revista Crusoé. Bolsonaro fez dois exames e anunciou os resultados negativos, mas se recusou a apresentar cópias dos documentos.

Na decisão, a juiza Ana Lúcia Petri Betto observou que “a recusa no fornecimento dos laudos dos exames é ilegítima, devendo prevalecer a transparência e o direito de acesso á informação pública”.

“No atual momento de pandemia que assola não só o Brasil, mas o mundo inteiro, os fundamentos da República não podem ser negligenciados, em especial quanto aos deveres de informação e transparência. Repise-se que ‘todo poder emana do povo’, de modo que os mandantes do poder têm o direito serem informados quanto ao real estado de saúde do representante eleito”, argumentou.

No fim de março, Bolsonaro confirmou que usou um codinome no exame para Covid-19, conforme revelou Crusoé, e alegou que, por isso, não apresentaria o resultado. “Os testes que faço são com códigos. Se você mostrar o código, o pessoal vai falar que é mentira”, afirmou, em entrevista ao programa Brasil Urgente. “Tem uma lei que diz que se você, eu ou qualquer cidadão fizer um exame qualquer, esse, de HIV, seja qual for, isso faz parte da sua intimidade. Você não tem obrigação de mostrar isso para ninguém”, completou.

Bolsonaro fez os testes em 13 e 17 de março. Ele se submeteu aos testes após diversas pessoas que o acompanharam em viagem a Miami, nos Estados Unidos, serem diagnosticadas com a doença. (Revista Crusoé)

PARA ACESSAR O INFORMANTE: www.jornalpequeno.com.br/oinformante

 

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias