Fechar
Buscar no Site

Identificado e autuado em flagrante carcereiro que facilitava saídas de policial preso

Carcereiro Sidney vai ser autuado em flagrante por suspeita de facilitar saída de policial preso

Já foi identificado o carcereiro que estava facilitando as saídas do investigador Joelson Costa Correa, o ‘Boca de Farofa’, que foi preso por suspeita de crime de extorsão, em Lago da Pedra, durante ação da Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC) que investigava fraudes em veículos e documentos naquele município. Sidney Roberto Abreu Dutra vai ser autuado em flagrante ainda na manhã desta terça-feira, segundo informou o delegado Armando Pacheco, da Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPPC), que comanda as investigações sobre as descobertas feitas essa manhã na Delegacia Especial da Cidade Operária (Decop), durante uma vistoria surpresa determinada pelo Secretário da Segurança, Jefferson Portela.

Sem saber da ação que estava acontecendo, Joelson retornou à Decop, ainda há pouco, e também vai ser autuado em flagrante.

O delegado Armando Pacheco continua na Decop fazendo levantamentos de toda a situação.

Conforme divulgou O INFORMANTE, com exclusividade, durante uma vistoria surpresa determinada pelo secretário Jefferson Portela na Decop e no comando geral da PMMA, onde estão presos os civis e militares envolvidos com a quadrilha de contrabandistas desbaratada pela SSP, foram encontrados celulares, uma pistola carregada e um notebook com os detentos, dentre eles o delegado Thiago Bardal.

Um procedimento administrativo com todas as informações está sendo realizado e será encaminhado ao juiz federal William Bonfim, que, por determinação do juiz estadual Ronaldo Maciel, é que agora cuida do caso, por se tratar de contrabando, caso da esfera federal.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias