Fechar
Buscar no Site

Governo Federal entrega 300 moradias do Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’ em Rosário (MA)

Mais 300 famílias brasileiras estarão com as chaves da casa própria até esta sexta-feira (24). Dessa vez, a entrega de novas unidades habitacionais acontece na cidade de Rosário, no Maranhão. Os investimentos do Governo Federal somam R$ 18,1 milhões no Residencial José Ferreira Lima, empreendimento da Faixa 1 do Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’ – coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). As moradias contemplam grupos familiares com renda mensal de até R$ 1,8 mil.

“É a partir da casa própria que a maioria das famílias consegue se organizar financeiramente, fazer planos e buscar novas perspectivas de vida. Este é um dos objetivos do governo do presidente Bolsonaro: garantir aos brasileiros a possibilidade de desenvolvimento em várias áreas das suas vidas. A conquista da moradia, com certeza, é um fator importantíssimo neste processo”, afirmou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

O cronograma de entrega das unidades em Rosário iniciou nessa quarta-feira (22) e segue até hoje (24). O objetivo é evitar aglomerações e garantir a proteção dos moradores contra o novo coronavírus. No total, 1,2 mil pessoas serão beneficiadas com as novas casas, que possuem 46,08 m² divididos em dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço.

A infraestrutura do Residencial José Ferreira Lima conta com redes de água, esgoto e energia elétrica, além de pavimentação, iluminação pública, urbanização e drenagem. O local possui a menos de 4 km os seguintes equipamentos públicos: creche, escola, postos de saúde e de segurança.

Investimentos em habitação – Em 2020, o Ministério do Desenvolvimento Regional já autorizou a transferência de R$ 692,3 milhões do Orçamento Geral da União para garantir a execução do programa. A maior parte dos recursos, R$ 425 milhões, foi destinada à continuidade das obras de 301 mil moradias para famílias que ganham até R$ 1.800.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias