Fechar
Buscar no Site

Gilmar Mendes manda soltar acusado de fraudes no Postalis

Gilmar Mendes derrubou MP de Bolsonaro

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF) ordenou a soltura do empresário Arthur Mário Pinheiro Machado, preso em um desdobramento da Operação Lava Jato no Rio, informou, há pouco, o G1.

Conforme publicou o site O Antagonista, na semana passada, o Ministério Público Federal acusa Machado de ser “o grande líder da organização criminosa” que dilapidou vários fundos de pensão, especialmente Serpros, dos funcionários do Serpro, e Postalis, dos Correios.

O ministro do Supremo transformou a prisão em medidas cautelares: o empresário não pode manter contato com os demais investigados nem deixar o país sem autorização da Justiça. Também deve entregar o passaporte em até 48 horas.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias