Fechar
Buscar no Site

Armado, suposto PM causa pânico na família mantendo filha e esposa em cárcere privado

Forças Especiais da Polícia Militar, dentre elas Choque e Bope, foram acionadas para instalar um ‘gabinete de crise’, no final da tarde deste sábado, 9, na Rua Polar (Recanto Vinhais), onde um homem, que seria policial militar do Ceará, mantinha em cárcere privado a esposa, a filha e um outro familiar.

O Ciops foi acionado pela filha do suposto militar, que, enquanto ainda pôde, ligou e pediu ajuda. Segundo a jovem, o pai teria problemas mentais e estava em surto psicótico. Ele recebeu, armado com uma pistola e uma faca, a primeira equipe da polícia que chegou ao local, comandada pelo Tenente Antônio, do 8º BPM.

Depois de uma primeira avaliação da área, Tenente Antônio passou a situação para o Superior de Dia, que deslocou as forças especiais com ambulâncias do Samu e Corpo de Bombeiros. Com a área isolada, foram iniciadas as negociações, que encerraram logo que a Polícia foi informada, pela esposa do suposto militar, que, depois do surto, ele tomou uma quantidade grande de medicamentos e ‘apagou’. Os policiais entraram na casa e providenciaram a remoção do homem para o Socorrão I, no Centro.

 

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias