Fechar
Buscar no Site

AMMA manifesta-se sobre advertência da Corregedoria aos juízes estaduais

 

O presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), juiz Angelo Santos, manifestou-se a respeito da advertência contida no ofício 542019, expedido nessa segunda-feira (13), pela Corregedoria Geral de Justiça, a todos os juízes do Estado.

Segundo ele, caso exista algum desvio funcional de magistrado, devidamente comprovado, a AMMA espera que a Corregedoria cumpra o seu mister de fiscalizar e apurar de forma individualizada, conforme o devido processo/procedimento legal.

“A AMMA ratifica sua total confiança na Magistratura Maranhense, principalmente quanto à excelência do trabalho desenvolvido nas inúmeras unidades judicias, bem como quanto ao cumprimento dos deveres inerentes à judicatura”, declarou Angelo Santos.

Sobre as justificativas contidas no referido oficio, que teriam motivado a CGJ a adotar alguns procedimentos quanto a supostas ausências de juízes em suas unidades judiciais, o presidente da AMMA alerta sobre o dinamismo que o processo eletrônico ( PJE) inseriu no dia a dia forense.

Alertou, ainda, que, nos dias atuais, a utilização de “fake news” é praxe, a fim de tentar denegrir a imagem de autoridades constituídas, o que não deve ser admitido no âmbito do Poder Judiciário, conforme campanha desencadeada recentemente pelo Conselho Nacional de Justiça.

“Desta forma, a AMMA, como entidade de representação da Magistratura Maranhense, reafirma o compromisso com o exercício da sua função de forma independente, imparcial e de integral respeito à sociedade Maranhense”, afirmou Angelo Santos.

O conteúdo d'O INFORMANTE é livre e seus editores não têm ressalvas na reprodução do conteúdo em outros canais, desde que dados os devidos créditos.

mais / Notícias